«Reflexão do Dia com Irmã Lúcia Abreu»

* Quinta, 04 de agosto de 2022 *

Reflexão do Dia trazida até nós pela Irmã Lúcia Abreu, cm

O sofrimento prolongado rompe os

equilíbrios mais bem consolidados de

uma vida, sacode as certezas mais firmes

da confiança e, às vezes, chega até

a fazer desesperar sobre o sentido e o

valor da vida. Há combates que o homem

não pode aguentar sozinho, sem

a ajuda da graça divina.

Homilia, 15.9.08

(In Pensamentos sobre a doença– Bento XVI – Paulinas)