«Quantas vezes o fizestes a um dos meus irmãos mais pequeninos, a Mim o fizestes.»

* Segunda, 11 de março de 2019 *

 Reflexão do Dia trazida até nós pela Irmã Lúcia Abreu, cm

 

Mateus 25, 31.46

… Tive fome e destes-Me de comer… Quantas vezes o fizestes a um dos meus irmãos mais pequeninos, a Mim o fizestes.

 

Quando vais para o deserto, quando fazes Quaresma, começas a ver os outros e a realidade à tua volta com muito mais clareza. As necessidades dos outros, as suas dores, deixam de ser um peso e aparecem-nos como sinais, onde Cristo está presente; como desafios a ir ao seu encontro com o melhor do nosso amor.

 

Tu, Jesus, estás presente.

És bem mais do que uma ideia

Ou uma lembrança histórica.

Na tua Palavra, sempre viva,

Eu encontro luz e orientação.

Nesta tua Igreja, santa e pecadora,

Eu encontro casa.

Na tua Eucaristia, Pão para o caminho,

Eu encontro força.

Na pobreza e fragilidade dos meus irmãos,

Tu estás, esperando a generosidade

Da minha entrega.

 

(In Rezar na Quaresma  – Pe. Rui Alberto – Edições Salesianas)

 

Reflexão