«Caiu a chuva, vieram as torrentes, sopraram os ventos contra aquela casa, mas ela não caiu porque estava fundada sobre a rocha.»

* Quinta, 06 de dezembro de 2018 *

Reflexão do Dia trazida até nós pela Irmã Lúcia Abreu, cm

 

Mateus 7, 21.24-27

Caiu a chuva, vieram as torrentes, sopraram os ventos contra aquela casa, mas ela não caiu porque estava fundada sobre a rocha.

Nada é sólido, hoje. As palavras dos políticos voam ao sabor do vento. Para cada verdade de alguém, logo surge outra voz afirmando o contrário. As promessas de amor dos apaixonados enferrujam antes de passar a chuva do Inverno. O chão sólido torna-se líquido.

Sem enfiar a cabeça na areia,

Sem me refugiar em fórmulas vazias,

Acredito sinceramente que a tua Palavra

É luz contra o caos,

É coragem contra o desânimo,

É Norte no meio da confusão e da dúvida.

Acredito que sobre a Palavra que és Tu

Poderei construir a casa da minha vida.

(In Rezar no Advento  – Pe. Rui Alberto – Edições Salesianas)

Reflexão