«Acompanhe a Fundação AIS, no Posto Emissor do Funchal»

* Domingo, 08 de Março de 2020 *

Foi atingida a tiro pelas costas. Leonella regressava a casa depois de um dia na escola de enfermagem em Mogadíscio, na Somália, onde leccionava, quando dois homens dispararam sobre ela. Foram sete tiros. A Irmã Leonella Sgorbati não morreu logo. Ainda a levaram para o hospital mas era já impossível salvá-la. As suas últimas palavras dizem muito do que foi a sua vida: “Perdoo, perdoo, perdoo”.

Esta é uma das histórias que vamos desenvolver no programa de rádio desta semana da Fundação AIS.

Ajuda Igreja Que Sofre – Domingo entre as 12H e as 13H, nos dois canais do Posto Emissor do Funchal.